Dor Silenciosa

Desenho de Franz Von Stuck 1895


Minhas vestes não importam
Quando há apenas uma insinuação do existir
No entanto, o idealizado
não existente constrói-se perante o turbilhão.
Sou apenas uma sombra
Apenas estou quando se mostra ao sol.

Não importa, é fugaz o seu brilho
Porém, a sombra é eterna, por isso não importa
Se existir vestes atemporais,
sem senti-las, nem pensá-las.
Então não nos movemos, apenas apagamos...

Comentários

Rui disse…
Este comentário foi removido pelo autor.
Rui disse…
Adorei. Tanto a arte como o texto. Tens um grande dom! Beijos grandes.
Luciana disse…
Contente por suas palavras, mas o desenho acima não é o meu, pertece a Franz V Stuck, pintor do século XIX... beijos...

Postagens mais visitadas